O que é Bitcoin?

O que é Bitcoin?

Compartilhe com seus amigos

Já te perguntaram o que é Bitcoin e não soube o que responder? De forma simples e objetiva, o Bitcoin é uma moeda digital, ou popularmente também conhecido como criptoativo ou criptomoeda, que existe somente na Internet. Atualmente, além de poder fazer transações com dinheiro vivo, cartão de débito e crédito, ou até mesmo transferência bancária, também é possível utilizar o Bitcoin, ou BTC, o que faz com que essa “nova classe de ativos” concorra diretamente com o sistema bancário tradicional que conhecemos.

Surgido no auge da crise financeira de 2008, o BTC é conhecido por ser o primeiro ativo digital descentralizado do mundo, ou seja, não possui uma entidade controladora por trás, como um governo ou um banco. Seu criador, Satoshi Nakamoto, é um pseudônimo misterioso.

O Bitcoin é um ativo originário de uma rede que funciona como um livro contábil distribuído conhecida como Blockchain. Nesse registro digital, todas as transações confirmadas são incluídas em “blocos”. À medida em que cada transação entra no sistema, ela é transmitida para a rede distribuída de computadores dos usuários que validam as transações. O fato de todos os usuários estarem cientes de cada transação, impede o roubo e o problema de gasto duplo.

Principais características e a resposta sobre: o que é Bitcoin:

1) Irreversível

Após a confirmação, uma transação não pode ser revertida por absolutamente ninguém. Como não existe uma entidade centralizadora por trás, não existe a quem recorrer neste caso.

2) Pseudoanônimo

As transações ou contas não estão conectadas a identidades do mundo real. O Bitcoin é transacionado por meio dos chamados endereços, que são compostos de aproximadamente 30 caracteres aleatórios. Embora geralmente seja possível analisar o fluxo de transações dos endereços, não é necessariamente possível conectar a identidade de uma pessoa no mundo real a esses endereços.

3) Rápido e global

As transações com Bitcoin são propagadas quase que instantaneamente na rede e são confirmadas em alguns minutos. Como elas acontecem em uma rede global de computadores, elas são completamente indiferentes à sua localização física. Não importa se eu enviar o Bitcoin para o meu vizinho ou para alguém do outro lado do mundo.

4) Segurança

Os fundos em Bitcoin estão bloqueados em um sistema de criptografia de chave pública. Somente o proprietário da chave privada pode acessar a criptomoeda de um endereço. A única forma de invadir a rede do Bitcoin é realizando um ataque de 51%. Esse ataque pode ser realizado caso alguém (ou algum grupo de pessoas) consiga deter mais da metade do poder de processamento da rede.

5) Não permissionado

Você não tem que pedir a ninguém para usar Bitcoin. Trata-se simplesmente de um software que todo mundo que desejar pode baixar gratuitamente. Depois de instalado, você pode receber e enviar Bitcoin ou outras criptomoedas.

  • Yum

Deixe uma resposta

× Como posso te ajudar?